sábado, 5 de agosto de 2017

CRENTE CHEIO DA VIDA DE DEUS FRUTIFICA!


O crente cheio da vida de Deus frutifica naturalmente. Impossível não frutificar! Uma árvore frutífera não pede para dar frutos, na estação própria frutifica. O mundo está carente de crentes que vive a vida de Deus. Essa frutificação não é subjetiva, apenas de boas intenções, mas objetivamente  na prática de boas obras. 

Em que sentido o crente cheio da vida de Deus  frutifica?
1 - Cheio do amor de Deus
“... E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria”( I Co 13:3).
O texto bíblico é enfático em dizer que podemos estar cheio de boas intenções e até praticar boas ações, mas se não estivermos cheio do amor de Deus, não frutificaremos na prática de boas obras. O amor  é o principal ingrediente da vida cristã. Um cristão sem a prática desse amor não abençoa ninguém. Sem amor divino o casamento não frutifica. Sem amor divino os filhos crescem carentes de aceitação. Sem amor divino os relacionamentos não prosperam. Desejar está cheio do amor de Deus  não se trata de uma busca ocasional, intencional, uma ação permanente do Espírito Santo que nos abastece do fruto do amor. 

2 - Cheio da Fé Divina
"Jesus disse-lhes: Por causa de vossa falta de fé. Porque na verdade vos digo "que, se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele passará, e nada vos será impossível".  ( Mt.17:20-21)
Fé é uma promessa divina a disposição do crente. Uma vida vazia de fé não frutifica. As batalhas que enfrentamos no dia a dia são grandes e constantes. Sem fé é impossível alcançar vitória.  Fé não é algo que usamos para encenar um show para os outros. É uma submissão completa à vontade de Deus. É estar em prontidão para fazer qualquer coisa que Deus nos mande fazer. O tamanho da fé não faz diferença, contanto que esteja disponível  para agir em circunstâncias que a ação de Deus seja imperiosa.
Quando você for acionado a lutar pelo seu  casamento em crise, pelo filho que está desencorajado, a orar por um irmão enfermo ou  por um casal a beira da separação, sua tarefa não  terá êxito se não tiver uma  fé divina agindo em você.  Está cheio da vida de Deus, permitir que o Espírito Santo nos abasteça do Seu fruto, a fé divina, condição para frutificar. 
  
3-  Cheio de  Obediência Perseverante.
"... Eu  sou a videira; vocês são os ramos. Se Alguém permanecer em mim e  eu nele, esse dará muito fruto; pois sem mim vocês não podem fazer coisa alguma"( Jo 15:5)
O crente cheio da vida de Jesus tem a promessa que dará muito fruto. Obediência perseverante  requisito para uma avida de frutificação.  A resposta de um coração cheio da vida de Deus não se escusa responder ao chamado do Senhor da Obra. Sempre dirá: eis-me aqui". Exponteneamamente se oferta para Jesus, e diz: Inclui-me no Teu projeto. Quando contribuímos para a Obra do Senhor, estamos sendo parceiros frutíferos para o crescimento do Evangelho no mundo.  Não há possibilidade de vivermos meia fidelidade. Ou somos cheio  ou  vazios de Deus. Ou amamos a Obra ou não amamos.

     4- Cheio do Deus da bênção
“... Desde, então, muitos dos  discípulos tornaram para trás e já não andavam com Ele” 
( João 6:66)
O Senhor Jesus atraía multidões. A grande multidão buscava bênçãos e não permanecia com Jesus. Esse fenômeno continua em nossos dias. Igrejas superlotadas, na busca de bênçãos, curas, milagres e prosperidade. Até lideres religiosos servem a Jesus focados em bênçãos. Estar cheio de bênçãos não é sinal que estamos cheio do Deus da bênção. Onde estiver focado  o seu coração esteja certo que as suas ações estão comprometidas e influenciadas.
Para você refletir:
"... Vocês não  me escolheram, mas eu os escolhi para irem e darem fruto, fruto que permaneça, a fim de que o Pai lhes conceda o que pedirem em meu nome" ( Jo 15:16)
Estamos em plena conferência missionária em nossa igreja. É impactante os relatos  dos missionários que atuam  junto a igreja perseguida. Junto aos refugiados de guerra e perseguição religiosa. A Igreja de Jesus não tem o direito de protelar suas ações e de olhar para esses desafios do século XXI.  
Para pensar: Em média a igreja investe 90% dos seus recursos, energia e tecnologia a serviço de membros que não conhecem nada de perseguição  religiosa. São membros com  pouca sensibilidade com as necessidades de investir  no avanço missionário. Se Deus usasse você, hoje, para atender uma situação de vida ou morte, como você se sairia? A sua vida está cheia da vida de Deus? Deus pode contar com você? Se você  está  se sentindo vazio de Deus, considere o fato de que você pode buscar esse enchimento.  Encha-se do amor de Deus. Encha-se da fé que gera obras. Encha-se de fidelidade e obediência   Encha-se do Deus da bênção.  Seja um  salva vidas nas mãos de Jesus.

Por amor a Cristo!