domingo, 22 de março de 2015

FINANÇAS: SOBREVIVENDO DO “ VOLUME MORTO”!




“... Lembre-se de colocar Deus em primeiro lugar, em todos os seus caminhos, e ele guiará os seus passos, e você andará  pelo caminho certo”  (Pv. 3:6)

 O tema  crise tornou-se  o assunto dominante no  cenário mundial. Não há  uma única área da vida que esteja  imune da crise. No Brasil nunca se registrou  uma crise tão grande de escassez de água.  Não  se ouvia falar do   “volume morto” que sempre existiu mas nunca precisou utilizá-lo.
É fato, o mundo vive uma epidemia chamada crise global.  O que mais se houve dizer  é crise financeira.  Uma questão epidêmica  que  atinge cerca de 70% dos brasileiros. A semelhança  da escassez de água, muitos brasileiros vivem,  financeiramente,  sobrevivendo do  “ volume morto”.  Não sabem mais o que fazer, vivem no fundo do poço. Encarar essas questões aflitivas é um dever de todos nós. Se o povo não vai bem financeiramente todos seremos atingidos. Precisamos levantar as causas e buscar soluções.


I- Algumas das causas porque entramos no 
    " volume morto"    financeiro:  

1-    Falta de planejamento a longo prazo

‘ .. Não construa a sua casa, nem forme o seu lar até que as suas plantações estejam prontas  e você esteja certo de que pode ganhar a vida” ( Pv. 24:27)

O planejamento deve fazer parte da vida. Quem não  se planeja já planejou  o seu fracasso. A vida só tem sentindo quando se semeia para gerações. “ O  homem de bem deixa uma herança aos filhos de seus filhos...”  Pv. 13:22ª) .

A falta de planejamento é uma decretação para viver no “volume morto”  financeiramente.  As consequências respingam para ouras áreas da vida e principalmente no casamento. A crise financeira é a principal causa de separações.
2-  Falta de  persistência  nos objetivos

“... Quem  trabalha  com dedicação e se cansa plantando e colhendo terá fartura de alimento para sua  família, mas quem fica apenas sonhando com um serviço melhor não tem juízo” ( Pv. 12:11)

Persistência é um decisão a tomar na vida.  Traçar os objetivos e persistir neles são caminhos que trilham os vencedores.  Caminhos curtos e fáceis são desvios por onde passam os perdedores, os que gastam o seu tempo em coisas fúteis e passageiras. O sábio Salomão nos passa essa lição de vida: “ Terminar algo é melhor do que começar!  A paciência vale mais que o orgulho” ( Ecl.7:8)

 3- Falta de  qualificação

“...  Por todos os meios possíveis, torne-se  alguém que conhece a verdade; não abra mão da sabedoria, da disciplina e do discernimento”  ( Pv. 23:23)

 qualificação pessoal deve priorizar  a verdade, a sabedoria, a disciplina  e o discernimento. Boas intenções não são suficientes para crescer na vida. Boas habilidades e talentos naturais  são importantes, desde que sejam devidamente qualificados para o exercício da vida. Tudo se acaba. Senão aplicarmos à vida, provérbios 23:23, seremos candidatos em  potenciais  à  viver do  “  volume morto”.

4-  Falta de  humildade  de reconhecer que tudo vem de Deus

“... Para conseguir riqueza, respeito dos homens e uma vida feliz, você precisa ser humilde e temer o Senhor”  (Pv. 22:4)

Jesus chamou de louco aquele que coloca suas riquezas como sua maior ambição de vida ( confira Lucas 12:16-21). É loucura achar que as riquezas sem Deus garantirá  uma vida de felicidade.  E quando as riquezas são  ganhas ilicitamente,  haverá  um poço de charco e lama o aguardando.   

5-  Falta de dar  ouvidos aos bons conselhos.

“... Quem pensa que pode vencer na vida sozinho vai fracassar totalmente; quem procura ajuda e pede conselhos será bem-sucedido” ( Pv. 15:22)

Não é verdade a expressão “ se conselho fosse bom não se dava, vendia”.  “ Onde não há conselhos os projetos saem vãos, mas, com a multidão de conselheiros, se confirmarão” ( Pv. 15:22).  Não se iluda esses princípios são para todos. Quem não segui-los está decretando beber da água do  “volume morto” da vida.

 II- Como evitar  entrar no “ volume morto’  financeiro?  

1- Evite que a ganância tome conta do seu coração.

“... Mas as pessoas que querem se tornar ricas cem em tentações e ciladas  e, muitos desejos tolos e nocivos, que lhes  causam dano e ruína e finalmente levam à destruição”
( I Tm 6:9) 

A sociedade é competitiva e nos induz  a impulsos gananciosos.  Nos induz a querer  mais e mais.  Mesmo que tenha que partir para o sacrifício de endividar-se.  Não entrar  nesse jogo competitivo da vida  dificilmente visitará o volume morto financeiro. Siga essa instrução bíblica de I Timóteo 6:9.

 2- Recuse buscar felicidade plena naquilo que  é passageiro

“... Quanto mais se tem mais se gasta. Qual é, então, a vantagem da riqueza, senão ver o dinheiro fugir rapidamente de nossas mãos?” ( Ecl. 5:11)

Quando o nosso  alvo é buscar felicidade plena no plano eterno, certamente não teremos motivos para saciar a fome desenfreada  da felicidade terrena.

Aprender a viver contente com o que tem é uma conversão de estilo de vida. O  Apóstolo Paulo tem muito que nos ensinar com a sua própria vida e ensino. Medite no  que ele diz, em  Fl 4:8,  ”.... Firmem seus pensamentos naquilo que é verdadeiro, nobre e direito. Pensem em coisas que sejam puras e agradáveis e detenham-se nas coisas excelentes. Pensem em todas as coisas pelas quais vocês possam louvar a Deus”. O contentamento  é um valor importante da vida. Quem não está contente com o que tem abrirá janelas para a inveja e a murmuração.   Vale a pena conferir >  Ecl. 5:19 e  Pv 15:16.

 3-  Saiba que o seu valor não está no que tem mas no que você é.

“... Agradeço  ao Senhor por me ter criado de maneira tão perfeita e maravilhosa! Suas obras são maravilhosas, e eu sei disso muito bem'  (Sl. 139:14)

Você se sente assim!? “ Criado de maneira tão perfeita e maravilhosa!?”

Quem vive nessa perspectiva de vida não beberá da água do  “ volume morto” financeiro, ou em qualquer outra área da vida. Porque o seu valor excede a dinheiro, a coisas materiais. Amem?!

 Refletindo:

Jesus garantiu vida abundante. Quem vive a vida de Jesus  jamais experimentará viver “volume morto” em qualquer área da vida. Não é promessa vazia é palavra do Deus que Vive,  para Sempre!.


CURSO  DE FINANÇAS: 
Conheça o conteúdo do curso " Finanças & Vida" >  no site Cursos Online
>>>> eduçacaoevida.com.br

Por amor a Cristo!