sábado, 23 de abril de 2016

CORRIDA CRISTÃ - FUNDAMENTOS PARA SER UM MEDALHISTA!



"... Todo atleta que está treinando suporta exercícios duros porque quer receber uma coroa “medalha” de folhas de ouro, uma medalha, que  aliás não dura muito. Mais nós queremos receber uma coroa “medalha” que dura para sempre” ( I Co.9:25)

O Brasil está se preparando para sediar um dos eventos mais importante e empolgante  do planeta, as olimpíadas.  Sem exceção, todos os atletas que subirão ao pódio  passam por um longo período de preparação  dando o melhor de si com muita  dedicação e perseverança.
Como cristãos não somos diferentes. A vida cristã é comparada a uma corrida de uma maratona. Há um percurso longo a ser  percorrido, que exige também,  dedicação e perseverança.

Em todas as modalidades esportivas, há regras ou fundamentos que são vitais na preparação de um atleta.  Na Olimpíada  Cristã,  há pelos menos cinco fundamentos bíblicos, também vitais para o crente ser medalhista, receber a sua coroa.

1º-   O Fundamento Misericórdia Divina.
 “.... Assim, pois não depende de quem quer ou de quem corre,  
mas de usar Deus a sua misericórdia"  ( Rm  9.16)
O valor da misericórdia divina na nossa vida é tão vital quanto oxigênio é para a vida. Deus renova as suas  misericórdias a cada manhã, renovando o alvará da  vida ( Lam.3:22,23) No dia em que faltar misericórdia divina não haverá  vida no planeta. Na corrida cristã o mérito não está em quem está correndo, mas em Quem o escolheu para a corrida. Fracassará o corredor que se achar auto-suficiente. O percurso é longo, exaustivo e cheio de obstáculos. O cristão na sua corrida diária precisará contar com  a ajuda divina em todo tempo em todo trajeto. Deus renova a cada manhã as suas misericórdias para que nossas forças e energias espirituais sejam renovadas para o bom combate da fé. O fundamento misericórdia divina vai gerar  no coração  do corredor cristão a certeza de que não está só na jornada da vida.   

2º-  O Fundamento  Obediência a Revelação Divina.
 “ Subi em obediência a uma revelação e lhes expus o evangelho que prega entre os gentios, mas em particular aos que pareciam de maior influência, para de algum modo, não correr outra corrida em vão”  ( Gl. 2:2)
Não se tem registro de um atleta que chegou ao pódio, conquistando uma medalha de ouro, sendo rebelde aos treinamentos e as ordens do seu treinador. O fundamento obediência as regras é fundamental para tudo na vida. Não é diferente para os corredores da maratona cristã.  O cristão precisa discernir as regras reveladas nas Escrituras. A Bíblia é o manual do atleta cristão. Paulo, com seu próprio exemplo de vida, entendeu que não obedecendo uma revelação divina, transformaria sua corrida em vão. Há muita revelação falsificada das Escrituras. Seguir o exemplo dos vitoriosos da fé é uma grande dica.

 3º-  O Fundamento de Preservar a Palavra da  Vida.
 “...  Preservando a palavra da vida, para que, no Dia de Cristo, eu me glorie de que não corri em vão, nem me esforcei inutilmente”  ( Fp. 2:16).
Preservar as regras é um dos exercícios da obediência. O vencedor não inventa regras, segue o que aprendeu; não cria atalhos, segue em frente por mais desafiador que seja o percurso. As novidades de um Evangelho fácil tem gerado regras facilitadas na  corrida cristã. Sem sacrifício, e sem cruz, todo esforço será inútil.  Ao  vencedor, ao final da corrida, trocará a sua cruz pela coroa.  
4º - O  Fundamento de Perseverar na corrida.

 “ ... Não sabeis vós que os que correm no estádio, todos, na verdade, correm, mas um só leva o prêmio? Correi de tal maneira que o alcanceis” (  I Co 9:24).
Desistir não faz parte da vida de um vencedor. Para  um atleta olímpico, perder não é o fim de uma carreira; mas sim, a oportunidade para melhorar a sua  performance. O medalhista supera a sua própria marca. Ao contrário,  o corredor cristão não corre para si mesmo, nem luta para superar a sua própria marca: Cristo já fez isso por Ele. O que precisa fazer é permanecer nEle e perseverar nEle. Paulo nos dá uma grande lição de corrida cristã, quando diz: “... Não que eu tenha recebido ou tenha já obtido a perfeição; mas prossigo para conquistar aquilo para o que também fui conquistado por Cristo Jesus” ( Fp. 3:12-14).  O perseverar é um fundamento importante porque só quem persevera alcança o prêmio. Perseverar no amor, na justiça e na prática de boas obras.

5º-  O Fundamento da Fé.|
“.... Combati o bom combate, completei a corrida, guardei a fé” ( 2 Tm. 4:7,8)
A fé cristã  é o fundamento que abastece o crente a não desistir da sua corrida. Paulo considera a fé mais importante que a própria corrida, quando diz: "completei a corrida, guardei a fé ".  Significa, chegar ao final da carreira convicto que não correu inutilmente. Ter Combatido o combate certo. Ter completado todo o percurso  da corrida. A fé descansa, na espera da coroa no grande dia da comemoração dos vencedores.    

Refletindo:
'... deixemos todo embaraço e o pecado que tão de perto nos rodeia e
e corramos, com paciência a carreira que nos está proposta"
 (  Hb.12:1.b)
Nas olimpíadas que se aproxima no Brasil, milhares de atletas em diversas modalidades já estão classificados para disputarem medalhas. Já são vitoriosos por estarem na disputa. Agora chegou a hora de darem tudo de si para conquistar o maior sonho: conquistar uma medalha de ouro. Todos os fundamentos que aprenderam e treinaram precisam ser colocados em prática.

A  primeira etapa da corrida cristã  todos os salvos estão selecionados,  em Cristo Jesus.  A segunda etapa da corrida o corredor precisará colocar em prática todos os fundamentos  que aprendeu e foi treinado, ou seja: contar com a misericórdia do Senhor,  obediência  a missão e a Palavra Revelada, preservar os valores cristãos,  perseverar  nos momentos de grandes dificuldades e viver por . Como cristão, como está a sua corrida? Deus o abençoe e o faça um medalhista vencedor.  Amem!


Por amor a Cristo!