sábado, 18 de março de 2017

SABEDORIA - ONDE NÃO PODE FALTAR!

"...  A sabedoria é a coisa principal; adquire, pois, a sabedoria; 
sim, com tudo o que possui, adquire o conhecimento". 
A sabedoria é um valor principal da vida. Não nascemos sábios é uma prerrogativa de Deus  para quem a deseja e busca. A sabedoria aponta o caminho do conhecimento para que a vida  torne produtiva em todos os seus aspectos. O conhecimento é uma auto busca tem um preço; enquanto que sabedoria é a busca do alto sem nenhum custo.

Sete áreas da vida onde não pode faltar sabedoria. 


1-  Identidade e Destino.
A identidade é a confirmação de que existo. Se existo há uma razão, um propósito, um destino pelo qual deve permear a minha vida. Não somos obras do acaso. Cremos que somos obra da criação e não da evolução. Nascemos indivíduos únicos, com digitais únicas. Se existimos, se há um proposito e um destino traçado por Deus para cada um de nós, precisamos ser diligentes nas nossas convicções. O rei Davi  é uma inspiração e um exemplo a ser seguido, na transparência de vida: " e vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno" (Salmos 140:24).  Caminho eterno é no sentido de destino. Qualquer outro caminho  é desvio de rota. Só a sabedoria divina é capaz de nos colocar na rota do caminho eterno e nos apontar os desvios: "Não declines nem para a direita nem para a esquerda; retira o teu pé do mal"  ( Pv. 4:27)

2- Aplicação dos Talentos e Dons Espirituais.
Talentos são habilidades naturais que são desenvolvidos no percurso da vida, independente da crença. Os dons espirituais são prerrogativas de quem experimenta à vida de Cristo. Podemos fazer grandes coisas no nível dos talentos, mas só  podemos agradar a Deus quando   talentos e os dons  cumprem o propósito de  servir o Reino de Deus. O texto bíblico que avaliza essa harmoniosa composição está em Efésios 4:12: "Querendo o perfeiçoamentos dos santos para a obra do ministério".  

3- No Uso do Tempo.
O tempo é um bem precioso igualmente disponível a cada pessoa desse planeta terra. O mal uso do tempo pode arruinar a vida de qualquer pessoa. O tempo não retroage, não congela. Aí entra a importância da sabedoria. A sabedoria nos remete à Ecles 3:1-8: "Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu". O principal foco desta palavra de sabedoria está relacionado ao plano de Deus para cada um de nós, estabelecendo  períodos cíclicos, em cada um desses períodos há uma tarefa específica à realizar. O texto aponta tempos, como: " há tempo de nascer e tempo de morrer"; tempo de plantar e tempo de colher o que plantou; (....) tempo de chorar e tempo de rir....". A sabedoria nos alerta para o perigo da procrastinação e da negligência no uso do temo. 


4- Como Viver em Família.
A sabedoria é imprescindível na vida em família. A desestruturação familiar deve em grande parte pela falta de sabedoria como lidar com o quotidiano em família. O maior desafio da família é viver os padrões de Deus que são opostos aos padrões do mundo. A sabedoria aponta o caminho da obediência, da honra, e da correta disciplina. "Vós filhos, sede obedientes a vossos pais no Senhor, porque isto é justo. Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa, para que e vá bem, e vivas muito tempo sobre terra. E, vós pais, não provoqueis a ira a vossos filhos, mas criai-os na  doutrina e admoestação do Senhor" ( Ef. 6:1-4). A família que desviar desse caminho, colherá frutos amargos, de rebeldia, mortes prematuras, divórcios e falta de paz familiar.

5- Na Vida de um  Líder
Estudos sociológicos afirmam que até o indivíduo mais introvertido influencia mil pessoas durante o período de sua existência. A sabedoria entra em cena para que essa influencia exerça um papel positivo na vida de pessoas. Nosso país tem vivenciado tipos de liderança que através de seus atos tem espalhado influências maléficas. Uma influencia positiva exerce poder de persuasão e credibilidade. O nosso padrão de liderança  influente e persuasiva é o Senhor Jesus Cristo. Uma palavra basta: "Mas diz apenas uma palavra , e o meu servo será curado...."( Mt. 8:8.a). Uma pessoa influenciadora positivamente está revestido  da sabedoria do Senhor.   

6- Nas Atitudes 
Todos nós tomamos atitudes constantemente. A sabedoria aponta as atitudes corretas. Doze espias hebreus foram convocados para espiar a terra de Canaã, trazer um relatório sobre a terra e sobre  os habitantes que nela habitavam. Dez espias tiveram atitudes desqualificadas, enxergaram as dificuldades e não viram riquezas. Apenas Josué e Calebe tiveram atitudes  na visão correta. Veja a atitude de Calebe: "Subamos e tomemos posse da terra."( Nm.13:30.b).  John C. Maxwell, liderança ( ed. nov.2010), aponta seis atitudes corretas: (1) Nossa atitude determina nossa abordagem da vida; (2) Nossa atitude determina nossos relacionamentos; (3) Nossa atitude é com frequência única diferença entre sucesso e fracasso; (4) Nossa atitude no início de uma tarefa afetará seu resultado mais do que qualquer outra coisa; (5) Nossa atitude pode transformar problemas em bençãos; (6) Nossa atitude não é automaticamente boa só porque pertencemos a Deus.  A sabedoria nos alerta de querermos viver no piloto automático da vida, porque somos filhos de Deus. 

7- Viver a Suficiência em Deus.
Na medida que vamos prosperando na vida entramos em sinal de alerta. Aí entra em cena a sabedoria acedendo a luzinha amarela de que estamos cruzando a linha que nos separa da suficiência de Deus. O apóstolo Paulo viveu os dois lados, a suficiência humana e da suficiência de Deus. Para depender plenamente da suficiência de Deus  teve que fazer a seguinte opção: " Mas o que para mim era ganho reputei-o perda por Cristo,... tenho também por perda todas as coisas, pela excelência do conhecimento  de Cristo Jesus, meu Senhor, pelo qual sofri a perda de todas as coisas, e as considero como esterco, para que possa ganhar a cristo"( Fp. 3:7,8).  Esse é o grande teste da vida cristã. Se Deus não for a minha suficiência em todos os sentidos, falta em mim a sabedoria do alto.

Refletindo.... 

"... Pois o Senhor quem dá sabedoria; de sua boca procedem o conhecimento e o discernimento"( Pv.2:6 ).
Uma pergunta tão óbvia mas na prática não encontra tanto significado como deveria: " Se a sabedoria é tão importante à vida, se é uma prerrogativa de Deus conceder, porque pedimos tão pouco? Que esta reflexão contribua positivamente no entendimento de não faltar sabedoria em nenhuma área da vida.
Por amor a Cristo!